Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Abertas as inscrições para o próximo colóquio Múltiplos Olhares sobre a Surdocegueira
Início do conteúdo da página
Notícias

Abertas as inscrições para o próximo colóquio Múltiplos Olhares sobre a Surdocegueira

O tema deste ano será a Síndrome de Usher.
  • Publicado: Segunda, 13 de Novembro de 2017, 14h19
  • Última atualização em Terça, 14 de Novembro de 2017, 09h39
 
Evento será no dia 28 deste mês, das 13h às 17h, no Teatro Benjamin Constant. Os interessados em participar têm até o dia do evento para se inscreverem pela internet.  Basta clicar aqui. 
 
O Colóquio, realizado anualmente, é uma iniciativa conjunta do Grupo Estudos e Pesquisas na Surdocegueira (GPESC) e do Grupo de Pesquisa em Tecnologias Educacionais e Tecnologia Assistiva na Deficiência Visual, Surdocegueira e Deficiência Múltipla (GPTec).  Ambos os grupos são vinculados ao Centro de Estudos e Pesquisa da Divisão de Pesquisa, Documentação e Informação (DDI) do Departamento Técnico-Especializado do Instituto Benjamin Constant (DTE).
 
A síndrome de Usher é uma doença genética que causa surdez e cegueira. Trata-se de uma retinite pigmentosa de carácter progressivo, combinada com deficiências auditivas graves de natureza congênita.  A doença afeta uma em cada cem mil pessoas no mundo, atingindo  homens e mulheres na mesma proporção. 
 
No colóquio, serão discutidos aspectos educacionais, os suportes tecnológicos acessíveis para esse grupo bem como as mediações necessárias para a inclusão educacional dessas pessoas e as políticas públicas em andamento para atender a esta população. 
 
Especialistas convidadas:
 

1 - Shirley Maia - pedagoga pelas Faculdades Metropolitanas Unidas (1983) ,  com mestrado em Distúrbios do Desenvolvimento pela Universidade Presbiteriana Mackenzie (2004) e doutorado em Educação pela Universidade de São Paulo (29.08. 2011). Diretora Educacional e sócia fundadora da Associação Educacional Para Múltipla Deficiência (AHIMSA) e presidente do Grupo Brasil de Apoio ao Surdocego e ao Múltiplo Deficiente Sensorial. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Educação Especial. 

2 - Lara Gontijo de Castro Souza - graduada em Sistemas de Informação pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (2014). É representante regional da Associação Brasileira de Surdocegos. Trabalha como Educadora Social na Feneis. Tem experiência na área de Engenharia de Software e em acessibilidade e inclusão, especialmente nas áreas de surdocegueira, Língua Brasileira de Sinais, comunicação alternativa e tecnologia assistiva.

3 - Karine Vieira da Rocha - graduada no Curso Bilíngue de Pedagogia do Instituto Nacional de Educação de Surdos (INES), onde trabalha como técnica administrativa tradutora e intérprete de Libras, possui  pós-graduação latu sensu em Educação de Surdos. Também atua como guia-intérprete da Pastoral dos Surdos na Arquidiocese do Rio de Janeiro. 
 
 
Para mais informações, ligar para (021) 3478-4517.
registrado em:
Fim do conteúdo da página