Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Cursos de extensão > Técnicas de Leitura e Escrita no Sistema Braille – 80 horas/aula
Início do conteúdo da página

Técnicas de Leitura e Escrita no Sistema Braille – 80 horas/aula

Publicado: Quinta, 26 de Janeiro de 2017, 16h10 | Última atualização em Quinta, 22 de Junho de 2017, 08h55 | Acessos: 1869

Público: Profissionais interessados em atuar na área da deficiência visual. Terá prioridade na matrícula o interessado que comprovar que já atua na área.

Ementa: A origem do Sistema Braille e sua importância no processo de emancipação da pessoa deficiente visual. O instrumental necessário para a escrita em braille. Identificação e representação dos caracteres braille na leitura e escrita de textos. A simbologia matemática. Leitura e transcrição de textos no Sistema Braille.

Carga horária total: 80 horas/aula.

Pré-requisitos: Ensino Médio completo.

Nº de vagas: 20

Período do curso: de 10 a 21/07/2017.

Horário: de segunda a quinta-feira das 8 às 17 h e sexta-feira das 8 às 11:30 h.

Período de pré-inscrição: de 03/04 a 05/05/2017.

Documentos obrigatórios:


Leitura obrigatória: Orientações gerais para pré-inscrição nos cursos e outras informações importantes

Para certificação: frequência mínima de 80%, média igual ou superior a 6,0 (seis) e entrega à DCRH da avaliação de reação/satisfação preenchida.

Professora: Geni Pinto de Abreu

Breve Currículo: Pós-graduada no curso “O Processo de Letramento na Alfabetização de Crianças com Cegueira na Educação Infantil e/ou Primeiro Ano do Ensino Fundamental” promovido pelo Instituto Benjamin Constant/Instituto Superior de Educação do Estado do Rio de Janeiro (2012/2014). Graduada em Letras – Português/Literatura pelo Centro Universitário Cidade (2003/2006). Professora Magistério (1º ao 5º anos), no Colégio Estadual Julia Kubistchek (1994/1996). Atuou como professora substituta - Técnicas de Leitura e Escrita no Sistema Braille no programa de Reabilitação do Instituto Benjamin Constant (2007/2009). Desde 2014 é professora de braille no Instituto Benjamim Constant.

Programa:
1. Pequeno histórico do Sistema Braille
2. Instrumentos utilizados para a escrita
3. Alfabeto braille
4. Sinais exclusivos do Sistema Braille
5. Transcrição de pequenos textos (do sistema comum para o braille e vice-versa)
Disposição do título (centralização e recuo)
6. Simbologia matemática
Numerais indo-arábicos
Sistema de numeração romana
Numerais ordinais
Decimais e frações
Sistema monetário brasileiro
Representação de datas
Números de telefone
Representação das operações fundamentais
Símbolos unificadores
Conjuntos
7. Simbologia informática
8. Leitura de textos em interponto

Metodologia: aulas teóricas e práticas. 

Avaliação: trabalhos de leitura e escrita realizados ao longo do curso e duas avaliações (uma de escrita e outra de leitura)

Bibliografia: 
BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Especial. Grafia Braille para a Língua Portuguesa. Brasília: SEESP, 2006. 
Disponível em: < http://portal.mec.gov.br/seesp/arquivos/pdf/textosbraile.pdf>.

______. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Especial. Normas Técnicas para a Produção de Textos em Braille. Brasília: SEESP, 2006. 
Disponível em: . 
______. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Especial. Código Matemático Unificado para a Língua Portuguesa – CMU. Brasília: SEESP, 2006. 

 

Fim do conteúdo da página